Comparador de cursos universitários

Ainda não adicionou cursos ao comparador.
Utilize o motor de busca e compare cursos

Passaporte e vistos

A obtenção do visto é, provavelmente, um dos processos mais complexos a superar quando se decide estudar no exterior. Na Austrália, o processo para obter um visto de estudante dependerá em primeiro lugar da duração dos estudos que serão cursados:

  • Se a duração dos estudos for de menos de 3 meses será necessário apenas um visto de turista 
  • Se a duração dos estudos for mais que 3 meses será necessário visto de estudante.


TIPOS DE VISTOS 


A seguir, confira os tipos de vistos para Austrália:

 

  • 570 - Independent ELICOS
    Para cursos de inglês intensivos para estudantes estrangeiros. Sem diploma oficial

 

  • 571 – Schools
    Para cursar o Ensino Fundamental
    Para cursar o Ensino Médio
    Programa de intercâmbio de Ensino Médio

 

  • 572 - Vocational Education and Training (VET)
    Certificados I, II, III e IV
    Diploma
    Diploma avançado

 

  • 573 - Higher Education (Ensino superior)
    Bachelor degree
    Associate degree
    Graduate certificate
    Graduate diploma
    Master coursework

 

  • 574 - Postgraduate Research (Para pesquisadores de pós-graduação)
    Masters research (Pesquisa em mestrado)
    Doctoral degree (Estudos de doutorado)

 

  • 575 - Non-award enabling course (Cursos sem diploma)
    576 - AusAID and Defence
    As regras para obter o visto australiano dependerão do país de origem. O Departamento de Imigração australiano estabelece 5 níveis de avaliação segundo os países. Dependendo do nível de avaliação, variam os trâmites que é preciso realizar.

 

A seguir, confira a tabela que resume os níveis de avaliação de alguns países. Importante: para todos os países que aparecem na tabela, o nível de avaliação para o visto para os cursos Aus AID Defence é nível 2:

 

 
País
   
Categoria para conseguir o visto em que se encontra
 
 
Argentina
   
Nível 2
 
 
Brasil
   
Nível 2
 
 
Chile
   
Nível 1
 
 
Colômbia
   
Nível 2
 
 
Espanha
   
Nível 1
 
 
México
   
Nível 2
 
 
Peru
   
Nível 2 para ELICOS e VET. Nível 1 para o resto de vistos
 
 
Portugal
   
Nível 1
 
 
Porto Rico
   
Nível 2
 
 
Uruguai
   
Nível 3 para Schools e Non-Award e nível 2 para o resto
 
 
Venezuela
   
Nível 2
 

 

  • Para poder solicitar o visto de estudante, é preciso ter sido admitido em algum curso ou outro tipo de estudos. Estes estudos devem estar registrados no CRICOS (Courses regulated for international students), ou seja, devem estar dentro dos que o governo aprova para admitir estudantes estrangeiros. Para obter mais informações sobre as instituições que fazem parte do CRICOS, o mais recomendável é visitar seu site.

 

  • Se o curso durar mais de três meses, pode ser necessário fazer um checkup médico e radiológico, de acordo com as condições médicas de entrada na Austrália.

 

  • Além disso, podem ser solicitadas também algumas provas como conhecimento de inglês (que varia segundo o nível de avaliação do país de origem). No caso dos países de nível 1 e 2, o nível de inglês necessário será estabelecido por cada instituição acadêmica.

 

  • É necessário cumprir os requisitos gerais: bom caráter, saúde, capacidade de financiar o seguro para estudantes estrangeiros (denominado Overseas Student Health Cover - OSCH) e não ter dívidas com a Commonwealth da Austrália. Para os menores de 18 anos, contar com condições aceitáveis quanto a hospedagem, apoio e segurança.


Pontos que é preciso levar em conta:

  • É obrigatória a assistência às aulas dos cursos em que se estiver inscrito (pelo menos 80%) e cumprir com condições de rendimento acadêmico.
  • Em caso de obter uma autorização adicional para trabalhar, é permitido trabalhar apenas 20 horas por semana durante o período escolar ou acadêmico, mas não há restrições durante as férias. O trabalho, no entanto, entende-se como um método de enriquecimento cultural mas de nenhum modo será o sustento principal do estudante. Sem autorização não é permitido trabalhar. 
  • Deve haver um compromisso de abandonar o país antes de que o visto acabe.
  • Deve haver um compromisso de permanência no curso em que se estiver matriculado de pelo menos 12 meses. Caso o curso tenha uma duração menor, deve-se cumprir o curso completo.
  • Se mudar de residência, é preciso notificar no prazo de sete dias. Isso também aplica-se para qualquer alteração no instituto de ensino.

 

Passos para conseguir o visto

Precisa-se da COE (confirmation of enrolment) ou eCOE (electronic confirmation of enrolment). É o documento que comprova que o estudante se matriculou em um curso ou período de estudos. Para mais informações sobre estes passos e sobre todo o processo de solicitação e admissão nas instituições australianas, recomendamos visitar o guia do departamento de imigração australiano (DIMIA).

As autoridades australianas recomendam realizar este trâmite até que as agências locais do Governo Australiano o notifiquem.

  • Para os países em nível de avaliação 3 e 4 pode-se precisar de uma avaliação prévia ao visto antes da emissão da eCOE.
  • Para os países com avaliação 1 e 2, a COE será exigida antes de apresentar a solicitação e deve-se apresentar também uma cópia do documento junto com esta.

Mais informações sobre o visto e suas condições de obtenção

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.